18 de jan de 2012

Em Cartaz - A Criança da Meia-Noite e A Guerra Está Declarada

Não perca a oportunidade de ver dois filmes que possuem muito em comum: desde o fato de serem franceses até o ponto de ambos tratarem de crianças e suas enfermidades; porém, falando de delicados assuntos de maneiras muito diferentes, que fazem os espectadores sentirem que realmente vale a pena assistir a filmes que os levam a fatos tão realistas, tratados de forma humana e verdadeira. São eles A Criança da Meia-Noite e A Guerra Está Declarada
Em Criança da Meia-Noite, a doença de Romain (Quentin Challal), um garoto que sofre de um raro tipo de alergia aos raios solares é o ponto que o liga ao dermatologista David (Vincent Lindon) e cria uma bela relação de amizade e ajuda mútua, já que Romain, além de ser portador desta grave enfermidade, também fora abandonado pelo pai. Delphine Gleize coloca os dois, lado a lado, de forma que cada um possa enfrentar suas fraquezas e medos, especialmente quando coloca em cena a notícia de que David precisa abandonar o caso do jovem. Neste momento, ambas as personagens precisam contornar o triste obstáculo, em forma de prova pessoal de vida, exposta de forma sincera e muito humana. A diretora, para a realização de A Criança da Meia-Noite, utilizou-se de pesquisas altamente elaboradas sobre a condição da enfermidade retratada, especialmente conhecendo o cotidiano de seus portadores para o desenvolvimento da personagem, desde sua mentalidade até seu figurino especial. 
Já em A Guerra Está Declarada, de Valérie Donzelli, a linda história do casal Roméo e Juliette, interpretados por Jérémie Elkaïm e pela própria diretora, que descobrem que o filho possui um raro tipo de tumor cerebral, nos leva a uma viagem encantadora pelo lado mais belo da vida. Mostrando a juventude e vitalidade do casal, que ao mesmo tempo em que procuram viver o lado positivo das coisas, lutam pela sobrevivência do filho pequeno. Donzelli, em uma experiência rara no cinema, quis mostrar e interpretar sua história real de vida, como ela própria. A Guerra Está Declarada é o representante francês na corrida pelo Oscar de Melhor Filme Estrangeiro e ainda conta com uma elaborada trilha sonora. Em sua terceira semana em cartaz, o filme já conquistou o coração de muitos espectadores, com sua ternura e bravura, lado a lado em cena.

Veja os trailers de A Criança da Meia-Noite e A Guerra Está Declarada, ambos em cartaz:


Nenhum comentário: