15 de mar de 2011

As mulheres de Abbas Kiarostami

Sexta-feira, 18/03, será lançado o mais novo filme de Abbas Kiarostami Cópia Fiel, que conta com Juliette Binoche e William Shimell como protagonistas de seu novo longa que vem recebendo uma série de críticas positivas e elogios.
Em Cópia Fiel, é abordado o relacionamento entre homem e mulher, onde o escritor interpretado por William Shimell discorre sobre a originalidade da cópia de uma obra de arte, e a personagem de Juliette Binoche no filme não tem uma identidade definida explícita, reforçando a teoria de que não é possível distinguir a originalidade de uma “obra de arte” sem que reparemos os detalhes.

Não é apenas em Cópia Fiel que uma personagem feminina intrigante aparece em cena. Abbas Kiarostami já mostrou em outros de seus filmes sua certa busca incessante para apresentar uma nova visão da mulher contemporânea e a abordagem da temática feminina em diversas perspectivas. Em “Shirin”, por exemplo, filma uma galeria de 114 rostos femininos assistindo a um filme; em “Dez”, Kiarostami também aborda a temática das mulheres, dessa vez marcadas por uma posição social inferior que as torna sofredoras.
Essa fixação pelas mulheres de Abbas Kiarostami se da justamente por uma tentativa de mostrar a força e o poder da mulher em nossa sociedade, e a insistência em ampliar seus direitos.
Na recente entrevista para o jornal “O Globo”, Abbas Kiarostami respondeu para o jornalista que o questionou se não achava contraditório e provocativo falar sobre a força feminina em seus filmes frente aos relatos de opressão as mulheres no Oriente Médio, que as mulheres iranianas não são reprimidas, e que nós que estamos de fora enxergamos assim porque estereotipamos mulheres como frágeis.
O novo filme de Abbas Kiarostami curiosamente rendeu a Juliette Binoche o prêmio de melhor atriz no Festival de Cannes de 2010.

A Imovision leva Cópia Fiel aos cinemas dia 18 de março, sexta-feira. Para saber mais sobre Abbas Kiarostami e Juliette Binoche clique aqui.

Nenhum comentário: