25 de jul de 2011

Catherine Deneuve será homenageada no Festival Mundial de Cinema de Montreal

O Festival Mundial de Cinema de Montreal desse ano contará com uma homenagem muito especial ao ícone do cinema francês Catherine Deneuve, que está em cartaz nos cinemas brasileiros com Potiche: Esposa Troféu, que já rendeu milhares de boas críticas pelo papel de Suzanne Pujol, uma dona de casa aparentemente frágil e submissa, mas que no decorrer do filme se mostra muito mais independente e esperta do que imaginávamos a princípio.
O Festival Mundial de Cinema de Montreal acontece do dia 18 a 28 de agosto desse ano. A homenagem será feita para Catherine Deneuve devido a ela ocupar um espaço entre os grandes atores do cinema mundial. 

Contracenou com os maiores atores e trabalhou com os maiores diretores do cinema moderno, como Jacques Demy, Luis Buñuel, Polansky, Lars Von Trier e Truffaut, conquistando a todos com seu incrível talento e versatilidade.
“É disso que gosto em filmes – Podem ser bizarros, clássicos, normais, românticos. Cinema para mim é o máximo da versatilidade.” Catherine Deneuve 

Deneuve levou o César de melhor atriz em 1980 por “O Último Metrô” de François Truffaut e mais tarde, em 1922 por "Indochina", de Régis Wargnier.

A musa do cinema francês, que esteve esse ano no Brasil para o lançamento de Potiche: Esposa Troféu, merece não somente o Grand Prize of the Americas, como todas as honras e homenagens que vier a receber. Entusiasma diversas outras atrizes, que assim como ela buscam não se destacar em suas carreiras somente por sua beleza estonteante. 

Muito pelo contrário, Catherine apesar de toda sua beleza,  ousou interpretando papéis bastante complexos, que talvez não fossem aceitos por qualquer outra atriz, principalmente na época que foram gravados, como por exemplo "A Bela da Tarde", considerado uma Madame Bovary do cinema.

Catherine Deneuve serve de inspiração para não somente as atrizes francesas mas todas as atrizes do mundo. É um exemplo de atriz e acima de tudo de mulher, ovacionada não só na França mas também em qualquer outro lugar do mundo.

Nenhum comentário: