2 de mai de 2011

Caetano Veloso fala sobre Rio Sonata em sua coluna semanal no jornal “O Globo”


Caetano Veloso, além de cantor e compositor (o que todos já sabem) é colunista semanal no jornal “O Globo”, e dessa vez em sua coluna discorreu sobre o filme feito pelo diretor suiço Georges Gachot sobre sua admirada amiga e colega de profissão Nana Caymmi.

Rio Sonata é uma biografia de uma das maiores vozes da música brasileira, Nana Caymmi, ressaltando sua importância para a música brasileira e destacando sua personalidade com diversos trechos de entrevista da cantora, que é um dos grandes ícones da história de nossa MPB.

Caetano Veloso ressalta na coluna a importância da canção “Bom Dia”, como crucial para a criação do tropicalismo, e que a amizade entre ela e “os baianos”, como se auto intitula junto a Gilberto Gil, somente foi fortalecida durante os anos mesmo com suas divergências musicais.

Apesar de Nana Caymmi ter declarado diversas vezes com sinceridade não ser adepta ao tropicalismo, movimento que considerado por muitos como o melhor da história da música brasileira, e ter declarado “Não prestei nem três minutos de atenção ao tropicalismo”, Caetano a considera franca e justa em sua resposta, e ainda diz que diferente de sua posição, e sem rivalidade os tropicalistas prestaram horas de atenção a ela e ao sentido de sua especial musicalidade.

O documentário sobre a vida de Nana Caymmi, Rio Sonata, é mais um lançamento da Imovision, e está em cartaz nos cinemas.
Saibe onde assistir esse e outros filmes da Imovision em cartaz aqui.

Nenhum comentário: