28 de mar de 2012

Febre do Rato: Poema em tela

O mais novo filme do pernambucano Cláudio Assis (Baixio das Bestas, 2006) Febre do Rato será distribuído pela Imovision nos cinemas.

Com uma fotografia sensível e detalhista, o longa narra a história do poeta Zizo (Irandhyr Santos) e o mundo de abismos em que vive no Recife. Alimentado de poesia e da publicação da fanzine Febre do Rato que, para ele, serve como porta voz dos inquietos e agoniados, Zizo vive de inconformismo e em constante luta contra os interesses das classes dominantes. 

Quando conhece Eneida, uma jovem que desacredita nas convicções do poeta e não cede à sua inteligência e encanto. Aos poucos Zizo vai ficando mais instigado, insatisfeito com ele mesmo e suas certezas começam a tornar-se dúvidas. Febre do Rato é uma expressão popular típica da cidade do Recife que designa alguém quando está fora de controle, alguém que está danado. 

 O filme de Cláudio Assis abriu o Festival Janela Internacional de Cinema do Recife no ano passado e com 8 prêmios incluíndo o de melhor filme, ator e atriz e de crítica, foi o grande vencedor do 4º Paulínia Festival de Cinema. Febre do Rato estreia em 22 de junho nos cinemas.

Nenhum comentário: